Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O blog da Kat

Quando do nada se faz tanto

 

 

É sempre de louvar quando alguém oferece um pouco do que tem para ajudar os outros.

 

Mais extraordinário ainda é quando alguém dá tudo o que tem.

 

Os refugiados que se encontram em Itália recebem por dia um vale de 2 euros para pequenas (minúsculas) despesas.

 

Um grupo de refugiados decidiu doar esse mesmo dinheiro para ajudar as vítimas do terramoto.

 

Pessoas que neste momento nada têm, a não ser a nobreza de carácter, que essa, não há falta de bens materiais que tire.

 

Há também outros grupos de refugiados que se voluntariaram e têm estado a auxiliar nos resgates.

 

Neste momento não há nacionalidades, não há cores ou credos.

 

Há seres humanos que se entreajudam, e que dão aquilo que podem. Seja dinheiro, seja tempo, ou seja o contributo do seu trabalho.

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D